Warning: Creating default object from empty value in /home/super084/public_html/untitled/wp-content/themes/freshnews/functions/admin-hooks.php on line 160

Pittacus Lore: Eu Sou o Número Quatro

1 de abril de 2012

Cultura

Eu nunca pensei que um dia estaria fazendo tal resenha. Sou daquelas pessoas cuja idéia de alien se limita a “Independency Day” e olhe lá. Há um tempo, sem nenhuma pretensão, decidi assistir o filme “Eu Sou o Número Quatro” (mas isso fica para outro post) e continuei sem interesse. Por algum motivo que até eu desconheço, resolvi dar mais uma chance e fui ler o livro. Ainda bem.

Antes de dar um resumão da história, gostaria de fazer um parágrafo sobre o autor – ou autores. Pittacus Lore, o autor que assina o livro, é o Ancião a quem foi confiada a história dos nove lorienos. Passou os últimos doze anos na terra, preparando-se para a guerra que decidirá o destino do planeta. Seu paradeiro é desconhecido. Isso é MUITO legal! Acho sensacional quando criam toda uma atmosfera para um livro. Existe todo um cuidado para tornar a história o mais crível possível. Por isso, deixarei assim. Quem se interessar, pode procurar mais sobre o(s) responsável(is). Eu prefiro manter o clima.

A história: Nove bebês aliens estão se escondendo entre os seres humanos, eles fugiram de seu planeta natal, Lorien, para se esconder na Terra. Uma espécie invasora, os Mogadorians, destruíram seu planeta, e seguiram eles até a Terra para caçá-los. Cada um dos nove aliens é dado a um tutor para desenvolver seus poderes sobre-humanos enquanto se tornam adultos e lhes são atribuídos números. Estas últimas crianças de Lorien só podem ser mortas na sequência de seus números.

O livro já começa em um ritmo bem agitado, com a morte do número 3. Depois, vamos conhecendo mais sobre o planeta Lorien e a guerra que os dizimou, John – o número 4 – que é quem conta a história, Henri – seu Cêpan (tutor) e aqueles que acabam se aproximando dos alieníginas, sem mesmo saber quem realmente são. O interessante aqui é que John tem 15 anos e passa pelas aflições de um adolescente comum. Os problemas no colégio, a menina bonita e o amigo nerd. Confesso, eu adorei!

Mas nem tudo são flores: como assisti o filme antes, ficou difícil não fazer comparações ou já esperar pelo que iria acontecer a seguir. Assim que John começa a contar sua história, automaticamente, escutei a voz do ator Alex Pettyfer na minha mente. Quando ele descrevia suas ações, pensava no ator, o que acaba sendo uma faca de dois gumes: John adora ficar sem camisa – e não é nada desagradável ver Alex Pettyfer desnudo!, mas o cara é um ator bem ruinzinho, tirando um pouco da essência do personagem. O mesmo acontece com Henri, Sam Goode e Sarah Hart (Dianna Agron de “Glee”). Nos momentos de tensão, você fica um pouco impaciente, esperando pelo desfecho. Até por que, você já sabe o que vai acontecer. Isso estraga um pouco.

Para alguém que não curte muito aliens, eu fiquei fã da história e estou bem curiosa para saber o que acontece. Felizmente, já temos em português “O Poder dos Seis”, que é o segundo livro. Não vejo a hora de ler!

Os Legados de Lorien é uma série que terá seis livros. Até agora, apenas esses dois livros foram lançados.


“Eu Sou o Número Quatro” (I am Number Four)
Autor: Pittacus Lore
Edições: 2
Editora: Intrínseca
Ano: 2011
Páginas: 350

Compre no Submarino
 

 

 

 

ASSINE A UNTITLED!
Cultura geek de verdade!

 

, , ,

About Hanna Liis-Baxter

Uma verdadeira rainha do drama. Vinte e poucos anos. Um pouco complexa. Marylin Monroe vibes. Personalidade Bette Davis + Mae West. Tão apaixonada por musicais quanto Judy Garland. Tão apaixonada por Givenchy quanto Audrey Hepburn. Jornalista no diploma, Escritora no coração e Diva da Era de Ouro de Hollywood na alma.

View all posts by Hanna Liis-Baxter

One Response to “Pittacus Lore: Eu Sou o Número Quatro”

  1. Guilherme Paes Says:
    Li o segundo livro… tá bem divertido, a trama fica mais séria, mais intrincada… vale a pena

    Reply

Leave a Reply